Citação · Literatura · Livros · Seleta de Letras

Seleta de Letras: Cristovão Tezza

1461067048458

É fato: não consigo me distanciar dos livros. E quando digo isso me refiro ao sentido literal de sempre ter livros por perto, e também ao sentido de que estar “enfiada nos livros” corresponde a “estudar.” Assim é que meus estudos atuais me conduziram outra vez a um velho autor já meu conhecido desde os tempos da graduação: Cristovão Tezza.

Quem tem alguma intimidade com o ensino de Língua Portuguesa, certamente já cruzou com “Oficina de texto”, “Prática de texto”, “Diálogos com Bakhtin” ou com qualquer outra das inúmeras obras de Tezza na área. Aficionados por literatura, terão chegado ao premiadíssimo “O filho eterno” ou ao seu mais recente, “O professor”. Compreendendo desde livros didáticos, romances, contos, ensaios e teatro, a obra de Tezza é extensa e inclui meu atual objeto de estudo: “O espírito da prosa: uma autobiografia literária.”

Nesta obra, Tezza conta sua trajetória como escritor e busca, incansavelmente, responder a um questionamento crucial: “o que leva alguém a escrever?” Dos fracassos, das tentativas, do processo vital e vitalício que é constituir-se escritor, resulta essa obra indispensável a quem deseja percorrer o árduo caminho do fazer literário.

Segue, pois, uma pequena Seleta de Letras que é sempre nada mais que um convite à leitura do texto integral.

“[…] escrever é um ato que obedece à mesma lógica de qualquer outro ato humano, submetido ao mesmo espectro da vontade, da ética, do sistema de valores morais e estéticos etc. A diferença é que praticamente todos os outros atos cotidianos estão já enquadrados em formas sociais bem estabelecidas e iluminadas, enquanto a escrita só faz sentido se abrir algum caminho novo para quem escreve e para quem lê.” (págs. 26-27)

“[…] não há homem sem linguagem, e não há linguagem sem narrativa. Falar é narrar.”(pág. 41)

“[…] vivemos a vida sob a angústia biográfica, o limite insuportável de nossa liberdade, […]” (pág.53)

“É engraçado: sem problemas para resolver, para que serve a literatura? É preciso, talvez, acrescentar: sem problemas pessoais para enfrentar, para que serve a literatura?” (pág. 54)
“[…] pensar a literatura é pensar o seu leitor, ou mais propriamente os seus leitores _ nós mesmos, e os que espiam pelo nosso ombro, em segredo, o que escrevemos. O desejo de agradar a esses olhos, ou apenas a sombra às vezes hostil desse desejo, também move (às vezes perigosamente) a nossa mão.” (pág. 61)

“Pense sempre no máximo, queira sempre o máximo, ou não vale a pena escrever.” (pág. 108)

“O humor é uma das faces mais inescapáveis da vida, e, considerando seu espectro imenso, do escracho demolidor e carnavalesco no meio da rua à ironia discretíssima entreouvida num jantar de talheres de prata, ou do escárnio agressivo de dedo apontado à risada saborosa ante uma piada de engenho, estamos sempre vulneráveis a ele, como autores, vítimas, intermediários, agentes e pacientes.” (pág. 121)

“As cartas foram uma oficina maravilhosa da minha literatura. É uma pena que hoje ninguém mais escreva cartas de fato […].” (pág. 163)

“[…]apesar do inacreditável poder imagético da Internet, a palavra nela reina soberana.” (pág. 163)

“Escrever sempre deixa marcas _ ninguém escreve 150 cartas e continua o mesmo.” (pág. 168)
“É ines

capável: escrevemos porque queremos chegar aos outros.” (pág. 209)

“O primeiro leitor é sempre o próprio escritor. Todo texto nasce cindido. O escritor escreve a frase que gostaria de ler: esse é o primeiro desejo de quem escreve.” (pág. 219)

Fonte: TEZZA, Cristovão. O espírito da prosa: uma autobiografia literária. Rio de Janeiro: Record, 2012.

 

Anúncios

6 comentários em “Seleta de Letras: Cristovão Tezza

  1. Há tempos que venho flertando com os títulos de Tezza, mas ainda não li nenhum.
    Tive muitos “encontros” com o Filho Eterno em jornais, programas de tv, e agora os pequenos trechos que você nos trouxe para degustar realmente deixou vontade de mais!
    Anotei a dica! Beijo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s