Citação · Cris · Para refletir

“Desculpe a delicadeza”

Gosto de delicadezas. Das pequenas mesmo. Daquelas que se escondem atrás de um gesto, de um olhar, de uma forma de dispor a mesa, de dobrar uma roupa, de dar ao vaso uma flor.

“Pequenas seduções iluminam o cotidiano.”A sedução na crônica de Affonso Romano de Sant’Anna não é dessa natureza, mas é assim que gosto de pensá-la. Porque seduzir é da ordem do embelezar. A luz tênue do abajur me seduz. Me chama pra perto, me acolhe, me apazigua. Ilumina o cotidiano e a vida.

Puséssemos mais beleza no dia a dia,  viveríamos com mais poesia. Com mais sensibilidade e mais amor no coração.

Pois é. “Desculpe a delicadeza.”

Anúncios

6 comentários em ““Desculpe a delicadeza”

  1. Que lindo texto Cris e adorei a delicadeza da foto..! ”Há dois tipos de alimentos: os alimentos q alimentam o corpo e os alimentos q alimentam a alma. (…) A alma não se alimenta de pão.Ela se alimenta de beleza.A beleza tem o efeito oposto ao do pão: ela nos torna cada vez mais leves.
    Rubem Alves
    Uma ótima noite p vc minha querida!!
    PS No bom gauchêz: bah muito tri o novo visual do blog 😉 🙂

    Curtir

  2. Querida Cris, ao ler o miamiablog li um comentário seu e descobri agora seu blog. Que maravilha!! Ler suas citações e pensamentos em forma de palavras que ensinam e me fazem conhecer novos autores e fronteiras é o máximo. Também amo delicadezas e vou te acompanhar. Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s